terça-feira, 8 de maio de 2012

ILUMINATA (Canção de Paulo Diniz)




"m'ilumino
     di imenso"
(UNGARETTI)



Me amanhece
Ó luz do meu dia

Alegra a vida 
Mais doce Maria 

Calor da carne 
Na carne tão minha 

Nunca é tarde
Teu corpo me aninha 

Não anoitece 
No céu da poesia

Me ilumina 
Imensa Luminha 




(Olinda, setembro, 2004)